Lançamento do livro “Se eu fechar os olhos agora”, de Edney Silvestre

A Globo adaptou o livro em minisérie de 10 episódios

0
759

No próximo dia 8 de abril de 2019, a editora Record lançará uma nova edição do livro “Se eu fechar os olhos agora“, romance de Edney Silvestre. Você pode reservar seu exemplar na Amazon.

Vale lembrar que a Globo adaptou o livro em minisérie de 10 episódios, que estreará dia 08 de abril no GloboPlay e 15 de abril de 2019 na tv aberta.

Nova edição do Romance que ganhou o Jabuti e que agora é série da Globo. Em uma pacata cidade do interior fluminense na década de 1960, dois meninos de 12 anos, Paulo e Eduardo, encontram o cadáver mutilado de uma linda mulher às margens de um lago. Os amigos vão à polícia para relatar o ocorrido e, após um interrogatório agressivo, passam a ser tratados como suspeitos, mas são liberados quando o marido da vítima confessa o crime. No entanto, a brutalidade do assassinato, a indiferença da polícia e a falta de lógica da explicação oficial para o crime os deixam intrigados, levando-os a tentar descobrir por conta própria o que, de fato, há por trás do caso. Contando com a ajuda de um velho misterioso, ex-preso político da ditadura Vargas, a investigação dos garotos desvendará um perverso painel em que violência sexual, racismo, corrupção e espúrias alianças políticas se misturam em uma trama eletrizante e comovente.

COMPARTILHAR
Artigo AnteriorResenha: Champion – Marie Lu
Próximo ArtigoParalela lança novo livro de Dinah Jefferies
Laila Ribeiro é mestra em Escrita Criativa pela PUCRS; pós-graduada em Gestão Empresarial, em Gestão Pública e MBA em Gestão de Recursos Humanos; graduada em História pela PUC Minas (2014) e em Administração Geral e Agroindustrial pela Universidade Presidente Antônio Carlos (2007). Atualmente, é membro da equipe do site literário Sobre Livros (www.sobrelivros.com.br), e mantém o canal literário https://www.youtube.com/c/ribeirolaila. Participou de antologias de contos (Insanas - Elas Matam!, Onisciente Contemporâneo, Translações Singulares e Não Culpe o Narrador) e, em 2016, foi monitora da Oficina de Criação Literária do professor e escritor Luiz Antonio de Assis Brasil.

COMENTAR