Ferals | Galera Record lança livro de Jacob Grey

O livro está previsto para 02/06/2017

0
1297

A editora Galera Record irá publicar no próximo dia 02 de junho de 2017, o livro intitulado “Ferinos – o Encantador de Corvos“, primeiro volume da série homônima e escrito pelo autor norte-americano Jacob Grey. Você pode reservar seu exemplar na Livraria Saraiva.

A série possui três volumes publicados no exterior.

Abandonado pelos pais. Criado por corvos. Caçado pela escuridão. Caw, abandonado pelos pais quando tinha apenas 5 anos, sobrevive sozinho numa cidade governada pelo crime. Mas ele não está desamparado: é o último representante da linhagem dos ferinos de corvos e tem o poder de comandar e conversar com as soturnas aves. Caw vive escondido em um ninho, no alto de uma árvore, no parque da cidade de Blackstone, até que uma fuga na prisão local o força a se revelar aos humanos… E à Lydia, a filha do diretor do presídio. Juntos descobrem que os fugitivos também são ferinos que planejam trazer seu temido líder, o Mestre da Seda, de volta da Terra dos Mortos. Para impedi-los, Caw e Lydia precisam encontrar os ferinos que se escondem pela cidade e convencê-los a mais uma vez lutar pelas forças do bem.

COMPARTILHAR
Artigo AnteriorNa Minha Onda | Novo livro da autora Laura Conrado
Próximo ArtigoLançamento do livro “Eu Sei Onde Você Está”, de Claire Kendal
Laila Ribeiro é mestra em Escrita Criativa pela PUCRS; pós-graduada em Gestão Empresarial, em Gestão Pública e MBA em Gestão de Recursos Humanos; graduada em História pela PUC Minas (2014) e em Administração Geral e Agroindustrial pela Universidade Presidente Antônio Carlos (2007). Atualmente, é membro da equipe do site literário Sobre Livros (www.sobrelivros.com.br), e mantém o canal literário https://www.youtube.com/c/ribeirolaila. Participou de antologias de contos (Insanas - Elas Matam!, Onisciente Contemporâneo, Translações Singulares e Não Culpe o Narrador) e, em 2016, foi monitora da Oficina de Criação Literária do professor e escritor Luiz Antonio de Assis Brasil.

COMENTAR