Rampage – Destruição total | Crítica

0
3307

Ficha técnica:

Título original: Rampage

Distribuidora: Warner Bros.

Direção: Brad Peyton

Roteiro: Carlton Cuse, Ryan J. Condal e Adam Sztykiel

Elenco: Dwayne Johnson, Naomie Harris,  Malin Akerman, Jeffrey Dean Morgan, Jake Lacy, Joe Manganiello, Marley Shelton, P.J. Byrne

Data de estreia: 12 de abril de 2018

Nota: 3/5

Sinopse:Davis Okoye  é um primatologista (Dwayne Johnson), um homem recluso que compartilha um vínculo inabalável com George, um gorila muito inteligente que está sob seus cuidados desde o nascimento. Quando um experimento genético desonesto é feito em um grupo de predadores que inclui o primata, os animais se transformam em monstros que destroem tudo em seu caminho. Agora Okoye tenta conseguir um antídoto e impedir que seu amigo provoque uma catástrofe global.

O que dizer sobre Rampage?

Uma mistura de Godzilla, Pânico no lago e King Kong. Creio que é a isso que tudo se resume. É claro que devemos levar em conta que animais tão imensos não existem. Quando você aceita esse fato o filme se torna diversão garantida.

Há muito susto ao longo da história, fator que atribuo ao IMAX. Tem também muito animal rugindo e gritando e voando, mas como eu disse, aceite isso e divirta-se!

Com tanto barulho e tiro, porrada, bomba e bicho assustador acho que o filme pecou bastante na história em si. teve, sim, um início, meio e fim a história. Mas poderia ter ficado bem melhor.

No mais o que temos é The Rock sendo The Rock, o que me decepciona um pouco, pois tenho observado um padrão na atuação dele que não tinha notado antes, o que faz com que pra mim ele esteja interpretando a mesma pessoa sempre. Isso é péssimo.

O mesmo digo em relação ao Jeffrey Dean Morgan que ficou muito famoso em sua atuação na série The Walking Dead no papel de Negan. Pra mim ele continua sendo Negan também em Rampage, só que de terno desta vez e nada de bastão de beisebol com pregos em volta.

Outra coisa que me incomodou foram as piadas sem graça e fora de hora feitas para dar um certo humor ao filme. Pra mim não funcionou.

Mas me lembro de pensar, contudo, que o filme ainda assim é uma boa pedida para quem gosta de ação e de filmes que são leves no sentido de não haver uma história não muito complexa, nada a desvendar ou ficar matutando o tempo todo. Então, sim, vale assistir!

Assistam ao trailer!

COMENTAR